segunda-feira, maio 28, 2007

Xutos & Pontapés - Maria

Para reflectir


«Não conhecer o próprio valor é ignorar-se a si mesmo»
(Sócrates)


«É impossivel para um homem aprender aquilo que ele acha que já sabe»
(Epicteto)


«A criação prossegue incessantemente por meio do homem,
mas o homem não cria: descobre»
(Gaudi)


domingo, maio 27, 2007

Futebol comédia

Pentecostes: tempo do Espírito



Vinde, Espírito Santo
Com o dom da Sapiência,
Ensinar e distinguir
A verdade da aparência.


Vinde, Espírito Santo
Com o dom da Fortaçeza,
Fazer crescer nossa fé
Com invencível firmeza.

domingo, maio 20, 2007

Ser estudante...


Quero ficar sempre estudante

para eternizar

a ilusão de um instante

e sendo assim

o meu sonho de amor

será sempre rezado

baixinho dentro de mim...

Os cristãos no mundo


«A alma ama o corpo e os seus membros, mas o corpo odeia a alma; os cristãos amam aqueles que os odeiam.
Alma está encarcerada no corpo, mas contém os membros; os cristãos encontram-se detidos no mundo como num cárcere, mas são eles que contêm o mundo.
A alma imortal habita numa tenda mortal; os cristãos vivem como peregrinos em moradas corruptíveis, esperando a incorruptibilidade dos Céus.
A alma aperfeiçoa-se com a mortificação na comida e na bebida; os cristãos, constantemente entregues à morte, multiplicam-se cada vez mais.
Tão nobre é o posto que Deus lhes assinalou, que não lhes é possível desertar».



Da Epístola a Diogneto (séc. II)

a Eucaristia, Páscoa do Senhor



«Quando Ele falava da necessidade de comer o seu Corpo e beber o seu Sangue, a multidão, desconcertada, murmurou dizendo: São duras estas palavras; quem poderá escutá-las? Querendo purificar pelo fogo do Céu tais pensamentos – que deveis evitar, com já vos disse – o Senhor acrescentou: O Espírito é que vivifica, a carne não serve para nada. As palavras que Eu vos disse são espírito e vida».



Dos Tratados de São Gaudêncio de Bréscia, bispo (séc. IV)

quinta-feira, maio 17, 2007

Que fazer...?

«O caso vem numa destas revistas chamadas cor-de-rosa, que nunca abro sequer.
Mas, desta vez, tive de folhear e de ler.
Trata-se de três páginas com fotos acerca de um sacerdote que deixou o ministério e que vive com uma senhora de quem tem uma filha».


Bem... situação muito complicada! É sem dúvida uma situação difícil de falar e ate mesmo de comentar.
Soluções? A caridade é a melhor solução...
Fica a ideia...
Todos nós caímos, mas sempre nos levantamos com a força de Deus, força essa que é sacramental, o Sacramento da Penitencia/Reconciliação.
O AMOR e a MISERICORDIA que Deus nutre por nós é tal que, estupefactos e ao mesmo apavorados, imbuídos pelo temor, nós dá esta segunda, e ate mesmo 3ª 4ª 5ª..., tábua de salvação.
Como é belo o amor, a "CARITAS" de Deus Uno-Trino.
Apoiemos este nosso irmão em Cristo pela força e vitalidade da Caridade, força última e permanente da existência ôntica do homem...


Um grande Abraço em Cristo, Nosso Senhor e Redentor.
Que a Paz esteja sempre convosco

terça-feira, maio 15, 2007

Desafiaram-me!

O Júlio desafiou-me!O desafio consiste em completar as frases. Cá vai disto:
Eu quero: amar sempre.
Eu tenho:que ir estudarEu acho: que a vida é repleta de emoção!
Eu odeio: acordar cedo.
Eu sinto: a vida.
Eu escuto: as pessoas.
Eu cheiro: ao mais belo dos profumes naturais - EU.
Eu imploro: pela Misericordia.
Eu procuro: Deus.
Eu arrependo-me: quando me chateio com os amigos.
Eu amo: a minha família e os meus amigos.
Eu sinto dor: quando não amado.
Eu sinto a falta: dela.
Eu importo-me: com a felicidade dos meus entes queridos.
Eu sempre: acreditei nas pessoas.
Eu não fico: aqui para semente.
Eu acredito: Em Jesus Cristo, único Senhor e Redentor.
Eu danço: pouco.
Eu canto: sempre.
Eu falho: na fidelidade.
Eu luto: pela vida.
Eu escrevo: sobre o essencial da vida.
Eu ganho:laços neste mundo.
Eu perco: quando não sou fiel.
Eu confundo-me: quando se trata de dizer os nomes das pessoas.
Eu estou: Feliz.
Eu fico feliz: quando sou amado.
Eu tenho esperança: em Ti.
Eu preciso: de ti, junto de mim.
Eu deveria: ser mais eu para poder ser mais o outro.
Eu sou: um anão em ombros de gigantes.
Eu não gosto: falsos amigos e da mentira.

E agora acho que tenho de passar o desafio a 6 pessoas!As vitimas são:
Michael
Bento
Santo Herege
Pe João António
Pe José Maria
Pe Vitor Magalhães